VALE À PENA FAZER CURSO SUPERIOR VIA INTERNET (GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO)?

VALE À PENA FAZER CURSO SUPERIOR VIA INTERNET (GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO)?

Você já perdeu aquela vaga de emprego dos seus sonhos – para a qual era perfeito e tinha todas as habilidades e experiência necessárias – simplesmente porque não tinha educação, ou pós-graduação superior?

Esse e muitos outros fatos exemplificam porque todos aqueles que não possuem um canudo de alguma universidade se ressentem um pouco por esse fato.

Por outro lado, preferem viver com essa pedra no sapato do que enfrentar três a cinco anos de uma terrível rotina noturna. Como se já não bastasse a luta de oito ou mais horas durante o dia, ter que freqüentar a universidade ou faculdade por mais quatro horas pela noite, soa mais como algum tipo de tortura da Idade Média. E como conciliar a família, os amigos e os hobbies se durante o dia inteiro estamos preocupados apenas com ganhar mais dinheiro?

Uma nova oportunidade que surgiu junto com os avanços tecnológicos e culturais dos últimos anos são os cursos de graduação e pós-graduação via educação à distância online, isto é, via internet, e-learning. Educação à distância via internet? Isso existe? Funciona? Ganharei o ansiado titulo (vulgo canudo) no final, ou é só conversa para boi dormir (enquanto lhe arrancam o couro)? Que diabos é e-learning?

Vamos tratar o conceito de educação à distância, que existe há quase 300 anos, como o antônimo de educação presencial. Portanto uma Faculdade Internet (online) permitiria que você cumprisse com a maior parte do currículo sentado confortavelmente na poltrona de seu escritório ou em casa, ao invés da dura cadeira universitária. Mas e-learning funciona mesmo? O titulo e reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC)? A resposta é um sonoro “sim”.

Existem leis que apóiam o ensino via internet. O próprio MEC tem uma área para a aprovação de instituições que querer habilitar-se a oferecer títulos universitários e cursos superiores e pós-graduações (mestrado e doutorado) via internet.

A chegada do e-learning (treinamento online baseado em web) fez explodir a velocidade do aprendizado e a difusão do conhecimento técnico a todo aquele que quer tornar-se um estudante. É também uma maneira de tornar mais democrático o ensino àquelas camadas com acesso à tecnologia permitindo o aprendizado a qualquer hora e em qualquer lugar.

Existem hoje sistemas específicos de gestão de aprendizado via internet que criam muita interatividade entre os participantes. A sala de aula virtual permite que o aluno tenha muita inteiração com o docente e os demais alunos em tempo real.

E-learning síncrono e-learning assíncrono

E-learning síncrono ocorre quando tanto professor quanto aluno estão ao mesmo tempo na sala de aula virtual. Os recursos podem englobar chat (bate-papo), web conferência. É possível que os alunos possam ver slides com estes recursos via web. Este é um modelo que mais se assemelha ao ensino presencial e têm ganhado muita importância.

No e-learning assíncrono tanto aluno quanto professor não estão na sala de aula ao mesmo tempo. Alguns recursos utilizados neste caso são páginas de conteúdos, fórum e e-mail. No e-learning corporativo, onde o ensino não faz parte do ensino oficial, a maior parte dos projetos não tem professor. Nestes casos há menos formalidade e flexibilidade nos períodos de início e fim dos cursos.

Educação no Brasil à distância via internet

O sistema Universidade Aberta do Brasil é um programa do Ministério da Educação, criado em 2005, que tem como objetivo levar ensino à distância gratuito aos municípios brasileiros. O sistema visa expandir e interiorizar a oferta de cursos e programas de educação superior.

“Apesar da prioridade do programa ser a capacitação de professores da educação básica com a oferta de cursos de licenciatura e de formação continuada o Sistema Universidade Aberta do Brasil tambem disponibiliza vários outros cursos superiores nas mais diversas áreas do saber.”

O projeto visa, até 2010, ofertar 140 mil novas vagas em cursos de graduação e pós-graduação (lato sensu) a distância. Os cursos costumam ter a mesma carga horária e grade curricular do ensino normal, com duração de quatro anos.

Para ingressar no sistema UAB, o processo de seleção segue o modelo tradicional dos cursos de graduação presenciais com aplicação de prova de Vestibular. Sendo assim, a única exigência é de que os candidatos tenham concluído o ensino médio.

Ele adicionou que “A portaria nº. 125, de 13 de Janeiro de 2005, assinada pelo Ministro da Educação, reconhece o primeiro curso superior de Administração a funcionar, via Internet, no Brasil. Ao final do curso o aluno graduado recebe o diploma e o título de Bacharel em Administração de Empresas.”

Portanto, se você quer um título, ao mesmo tempo em que estuda gerenciando seu próprio tempo, no conforto de sua casa, talvez um curso universitário online seja a opção mais lógica.

Fonte: Tecnocientista

GANHE DINHEIRO RESPONDENDO PESQUISAS NA INTERNET

09/12/2017

Se você chegou até aqui é porque você gostou, né? Então curta e compartilhe o Acidez Mental no Facebook com seus amigos! Seu clique é MUITO importante!

CLICA AQUI VAI

Comentários