AS TOP 10 SÉRIES SOBRENATURAIS QUE VOCÊ PRECISA ASSISTIR

AS TOP 10 SÉRIES SOBRENATURAIS QUE VOCÊ PRECISA ASSISTIR

É considerado sobrenatural aquilo que a ciência ainda não confirma ou tudo aquilo que se refere a coisas não testadas tais como: teletransporte do corpo físico ou mental, formas de premonição, a incorporação e a visão de pessoas já mortas (…).

Publicidade

A ficção se alimenta do sobrenatural tanto em suas formas mais fantásticas quanto por meio de ângulos mais obscuros. Durante anos, séries de televisão exploraram o inexplicável sempre firmando um pé na realidade.

Volta e meia, novas tramas surgem para investigar os limites da ciência e da percepção humana. Confira aqui uma lista com as 10 séries que exploram o sobrenatural como nenhuma outra:


10) Eleventh Hour

Que tal começarmos por uma série que não é exatamente sobre casos sobrenaturais? A britânica Eleventh Hour trazia ninguém menos que Patrick “Cap. Picard” Stewart como o professor Ian Hood, uma daquelas mentes brilhantes que o governo chama toda vez que um caso sem explicação assombrava a Inglaterra. A grande sacada de Eleventh Hour foi ser uma série baseada em ciência, seus casos tinham explicação lógica, apesar de especulativa. Esse ano, Jerry Bruckheimer levou Eleventh Hour aos EUA, tendo o intenso Rufus Sewell como Jacob Hood e um formato a la “CSI sobrenatural”. Será que pega?


9) The Chronicle

Uma aposta que não deu certo foi The Chronicle. A série tinha uma premissa sobrenatural mais voltada para o humor negro. Um grupo de jornalistas especulativos trabalhavam para o Chronicle, um dos mais malfadados tablóides americanos. Investigando eventos sobrenaturais que iam desde clones mutantes até invasões alienígenas, os jornalistas “classe C” questionavam-se sobre o poder de se ocultar informações e qual o verdadeiro papel da verdade num mundo que preferia ser enganado.

Publicidade


8) FreakyLinks

Outra obscura série cancelada que baseava seus roteiros no humor paranormal era FreakyLinks. A história começava com a morte de Adam, irmão gêmeo de Derek Barnes (o excelente e eterno desconhecido Ethan Embry), dono de um site que investigava lendas urbanas conhecido como FreakyLinks.com. Assumindo o estranho legado deixado pelo irmão, Derek persegue e relata fenômenos paranormais até se deparar com Vince Elsing, a chave do assassinato de Adam e a fonte de muitos segredos que alguém queria ocultar dos curiosos irmãos Barnes.


7) Poltergeist – The Legacy

Você provavelmente lembra-se do filme e tem medo de canais cheios de estática até hoje. Entretanto, The Legacy não continua a história da sofrida família Freeling, mas sim nos revela uma estranha sociedade secreta que se esforça em proteger a humanidade de verdades ocultas que não estamos prontos para lidar. Com um elenco enorme liderado pelo dúbio Dr. Derek Rayne, o grupo Legado era responsável por zelar por São Francisco, enquanto seguia ordens vindas da misteriosa Luna Foundation. A somatória de cientistas, psiquiatras, leitores de mentes e até mesmo militares construiu uma mitologia interessante de investigadores do oculto.

Publicidade


6) Torchwood

AS TOP 10 SÉRIES SOBRENATURAIS QUE VOCÊ PRECISA ASSISTIR

Em Torchwood o sobrenatural é quase “natural”. As ameaças todas têm uma única explicação: aliens. Disfarçados nas mais diferentes esferas sociais, eles estão entre nós e chegam não através de naves espaciais, mas de fendas no espaço/tempo. Em Cardiff, o grupo liderado pelo viajante do tempo Cap. Jack Harkness tem que lidar com as bizarrices do Whouniverso que o próprio Doctor decidiu não encarar. A equipe de Torchwood é deveras interessante, os temas abordados são mais do que atuais, e a ficção beira o fantástico toda semana.


5) Fringe

A mais recente criação de J.J. Abrams se chama Fringe. No princípio, acusada por alguns como “o novo Arquivo X”, Fringe cada vez mais se distancia de seu primo mais velho e começa a criar suas próprias mitologias (ainda sem muito fundamento). A história começa no FBI, com a agente Olivia Dunham investigando um misterioso homicídio em massa em pleno ar. Levada até Walter Bishop (um cientista lunático, especilizado numa área conhecida como “Fringe Science”, abruptamente traduzido como “Ciência Marginal”) e seu filho Peter Bishop (Joshua “Pacey” Jackson), a agente tem que lidar semanalmente com casos pra lá de estranhos. Desde pessoas com habilidades assustadoras, até sondas subterrâneas emergindo do nada ou estranhos “observadores” que acompanham um “Padrão” de fenômenos sobrenaturais pelo globo.

Publicidade


4) VR.5

Em 1995, a desconhecida Jeannine Renshaw tentou emplacar uma série a frente do seu tempo chamada VR.5. Sydney Bloom, enquanto trabalhava como engenheira para uma companhia telefônica, depara-se acidentalmente com uma das pesquisas deixadas por seu ausente pai, Dr. Joseph Bloom, especialista em realidades virtuais. Com uma combinação de equipamentos e uma linha telefônica, Sydney conseguia atingir a chamada VR.5 (uma realidade virtual criada a partir do subconsciente de qualquer um que atendesse seus telefonemas). Aos poucos, ela vai descobrindo o que cada nível significava: VR.1 era a tela de um computador, VR.2 um videogame, VR.3 um simulador de vôo, VR.4 o ciberespaço, VR.5 acesso ao plano subconsciente, VR.6 acesso ao mesmo plano, mas de forma consciente, VR.7 telepatia, VR.8 manipulação mental, VR.9 telecinese, VR.10 total poder sobre a realidade (Deus). Gostou?


3) Alias

E falando em J.J.! Alias não se tratava de avanços científicos, ao contrário, era sobre relíquias tão brilhantes que deixavam o presente cada vez mais sem graça. A trama principal seguia a agente Sydney Bristow, presa numa rede de mentiras entre a CIA e a SD-6(agência terrorista), ao mesmo tempo em que tentava entender seu papel numa trama antiga envolvendo um cientista profético chamado Milo Rambaldi. Era por Rambaldi que Sydney trabalhava vasculhando o mundo em busca de artefatos capazes de feitos extraordinários envolvendo desde maquinário séculos a frente de seu tempo até a fórmula para a imortalidade. Tudo isso sem perder de vista a base sólida de uma personagem que tinha conflitos familiares e dilemas mais do que realistas.

Publicidade


2) Arquivo X

Talvez essa seja a mãe das séries modernas sobre investigações sobrenaturais. Se você nunca ouviu falar de Mulder e Scully talvez tenha nascido após o ano 2000. Qualquer um que veio ao mundo antes dessa data sabe que os dois agentes mais marginalizados do FBI foram responsáveis pela ressurreição do paranormal na televisão moderna. Toda semana, Fox Mulder e Dana Scully viajavam sob a tutela do FBI em busca de respostas para os mais bizarros casos. As explicações que obtinham, por mais absurdas, eram sempre levadas ao conhecimento do Bureau que, afetado por uma força burocrática oculta e fumante, dificultava sempre o aparecimento da verdade que estava lá fora.


1) Kolchak: The Night Stalker

Se “Arquivo X” é a mãe, Kolchak é o avô! A série de 1974, contava a história do jornalista Carl Kolchak, interpretado por Darren McGavin, que investigava crimes misteriosos que ninguém mais queria desvendar. Desafiando seus editores e as autoridades, Kolchak perseguia perigosos assassinos dotados de habilidades sobrenaturais que o resto do mundo escolhia não notar. O personagem inspirou um sem fim de cópias, incluindo sua própria em 2005, uma reinvenção da série original capitaneada por Stuart Townsend como Kolchak. Entre fantasmas, múmias, andróides e lendas folclóricas vivas, Carl Kolchak viu de tudo, sendo oficialmente o homem que chegou primeiro aonde nenhum outro jamais havia ido (sorry trekkers!).

GANHE DINHEIRO RESPONDENDO PESQUISAS NA INTERNET

06/12/2017

Se você chegou até aqui é porque você gostou, né? Então curta e compartilhe o Acidez Mental no Facebook com seus amigos! Seu clique é MUITO importante!

CLICA AQUI VAI

Comentários