SE O SEU CÃO FALASSE, ELE TE FARIA ESSAS 12 PERGUNTAS…

SE O SEU CÃO FALASSE, ELE FARIA ESSAS 12 PERGUNTAS...

Todos nós sabemos que os nossos cães conseguem se comunicar com a gente de uma forma especial, seja através de um sorriso de língua virada ou um rabo abanando furiosamente. Mas e se eles conseguissem falar com a gente? Acho que eles iam fazer um monte de perguntas. Listamos 12 aqui! Você imagina o seu cachorro te perguntando mais alguma coisa?

1. Tenho necessidade de enfiar meu focinho na merda e no traseiro de outros cães. Sou pervertido?
Não. Os cães sentem o cheiro para decifrar o desconhecido. Ao farejar fezes de outros cães, podem dizer o sexo do animal e há quanto tempo passou por ali. Se for fêmea, percebe se está no cio. O mesmo acontece quando encontram pessoas desconhecidas. Os cães investigam em busca de informações.

2. Por que gosto de rolar em lixo ou em outras coisas que as pessoas acham nojentas?
Da mesma forma que as pessoas, os cachorros gostam de disfarçar seus odores com outros artificiais. Muitas vezes estão se sentindo sujos e por isso procuram “perfumes”. O problema é que, em geral, preferem o cheiro de materiais orgânicos em decomposição e isso parece nojento aos humanos.

3. Toda vez que vejo vizinhos novos fico nervoso. Como posso me controlar?
Isso é desconfiança. Vizinhos, em geral, são encarados como inimigos porque ficam próximos e nunca vão embora. Se o cão se sente ameaçado, é bom que pense que os vizinhos são da família, com passeios em conjunto, por exemplo.

4. Por que tento fazer sexo com tudo que vejo: almofadas, joelhos, pé da mesa, qualquer coisa?
Esse é o comportamento do cão jovem ou inexperiente. Essas atividades são próprias daquele que nunca tem oportunidade de fazer o ato em si. Isso significa que, quando seu aparelho sexual precisa ser testado, escolhe a coisa mais próxima. Para inibir esse ato, diga um “não” e coloque-o de castigo por alguns minutos.

5. Quando fico sozinho, faço um rebuliço na casa. Sou rebelde?
Não. Para o cão, ficar sozinho não é natural, é chato. Até quando estão entediados e na presença dos donos, aprontam para ter atenção. Bronca também é sinal de carinho. Se a dona nem perde mais tempo chamando a atenção do animal, ele se sente sozinho. Já quando está realmente sem companhia, fica ansioso e destrutivo. Uma dica: quando sair deixe brinquedos por perto, para que possa destruí-los.

6. Mesmo bem alimentado, gosto de revirar o lixo. Sou louco?
Não. Geralmente isso acontece na ausência de exercício físico. Quando o cão se sente desmotivado, a comida se torna o objetivo da vida. E mexer no lixo pode ser excitante.

7. Por que tenho medo de barulho?
Os cães ouvem barulhos a uma distância quase quatro vezes maior do que os humanos. Para se acostumar com esses ruídos, os bichinhos devem ouvir CDs de efeitos especiais diariamente.

8. Por que amo a minha dona mas odeio o marido dela?
Se o cão for criado em um ambiente feminino, ele se acostumará com as vozes e os odores das mulheres. Então, caso um homem apareça o cão se sentirá ameaçado ou enciumando. Esse ódio pode ser reduzido se o homem assumir responsabilidades recompensadoras, como alimentar e brincar com o cão.

9. Por que chuto terra para trás depois que faço cocô ou xixi?
Para marcar território. Por isso, em vez de fazer aqui ou ali, os cães utilizam o chute para espalhar os excrementos. Os machos são mais propensos do que as fêmeas, porque têm necessidade maior de marcar território.

10. Quando durmo faço careta e mexo as patas. O que está acontecendo?
Isso são sonhos. Os cães sonham mais do que a maioria dos humanos e, à medida que vão do sono leve ao profundo, seus olhos começam a mover-se junto com as outras alterações elétricas do corpo. Alguns até emitem pequenos latidos ou uivos chorosos.

11. Algumas vezes tenho desejo de comer grama. Sou vegetariano?
Apesar dos cães serem carnívoros e gostarem de carne, não são como os gatos, dependentes da carne para sobreviver. Comer as plantas ou grama é perfeitamente normal e até benéfico.

12. Como vencer o medo que sinto de pessoas desconhecidas?
O medo é em parte herdado e em parte aprendido, mas é uma reação estabelecida na época de filhote. Para ajudá-lo, as pessoas devem falar calmamente e, depois, tentar o contato físico. Só assim, ele perceberá que os humanos podem ser amigos.

08/06/2017

GANHE DINHEIRO RESPONDENDO PESQUISAS NA INTERNET


Se você chegou até aqui é porque você gostou, né? Então curta e compartilhe o Acidez Mental no Facebook com seus amigos! Seu clique é MUITO importante!

CLICA AQUI VAI

Comentários