PARABÉNS, MAMÃE! VOCÊ FOI ENGANADA! VOCÊ CAIU NO GOLPE DO SABONETE BACTERICIDA

PARABÉNS, MAMÃE! VOCÊ FOI ENGANADA! VOCÊ CAIU NO GOLPE DO SABONETE BACTERICIDA

A propaganda na TV diz que o sabonete vai criar um campo de força do tipo “Star Trek” que vai proteger os seus pimpolhos de 99% das bactérias.

A mamãe, zeloza e preocupada com a saúde de sua prole vai ao supermercado e compra o sabonete, que é 3, 4 vezes mais caro que um comum.

Parabéns, mamãe! Você caiu no golpe do sabonete bactericida!

Nem todos os sabonetes bactericidas são capazes de eliminar bactérias. Para verificar quais produtos não cumprem essa função, o Instituto Proteste realizou um teste com 10 produtos, sendo três líquidos e sete na versão em barra. Para fazer o teste de eficácia bactericida foi utilizada uma solução padrão, composta de sujeira “criada em laboratório” e quatro bactérias específicas. A solução foi colocada em diferentes placas e, em cada uma delas, foi aplicada uma quantidade de sabonete. Foram bem avaliados os produtos que conseguiram eliminar, em um período de cinco minutos, a 20º C, a maior quantidade de bactérias.

Os sabonetes Protex (em barra e líquido) e Lifebuoy (líquido) não eliminaram nenhuma das quatro bactérias testadas, apesar de se autointitularem bactericidas. O Dove hidratante também não eliminou bactérias.

Foram analisados dez produtos bactericidas, sendo três líquidos e sete na versão em barra, entre eles dois sabonetes hidratantes – Dove e Granado Tradicional – eleitos o melhor do teste e a escolha certa pela Proteste no ano passado.

Oito sabonetes eliminaram a bactéria Escherichia coli, presente no intestino grosso e nas fezes humanas. “A constatação mais surpreendente foi quanto ao Protex. O sabonete, líder nesse segmento, garante acabar com 99,9% das bactérias presentes na pele. Porém, não eliminou, nem sequer reduziu, qualquer micro-organismo usado no teste”, diz a publicação do instituto de proteção ao consumidor.

Dos cinco sabonetes que anunciavam proteger a pele contra o S. aures, somente o Dettol em barra confirmou sua ação. Protex e Lifebuoy, nas versões sólidas, ainda garantem eliminar a S. marcescens, o que só o Lifebuoy conseguiu. Vale ressaltar que Granado Antisséptico, Ypê, Racco e Protex não indicam em seus rótulos para quais bactérias devem agir. No entanto, fora o Protex, esses produtos demonstraram ação bactericida.

O outro lado

A Colgate, companhia da linha Protex informa que ainda não tem um posicionamento sobre os resultados do teste. A Unilever, detentora da marca Lifebuoy, esclarece que o produto fabricado pela empresa atende a todas as normas vigentes no Brasil, tanto com relação aos processos de fabricação, quanto aos ingredientes presentes. “A empresa não recebeu da Proteste o laudo de análise do produto citado, portanto desconhece os critérios e metodologias utilizadas para se posicionar sobre tais resultados”. Já sobre o Dove, a assessoria da marca afirma que o produto não divulga ter propriedades bactericidas.

Fonte: Proteste

GANHE DINHEIRO RESPONDENDO PESQUISAS NA INTERNET

10/09/2017

Se você chegou até aqui é porque você gostou, né? Então curta e compartilhe o Acidez Mental no Facebook com seus amigos! Seu clique é MUITO importante!

Comentários