FUNCIONÁRIO É BARRADO NA PORTA DA EMPRESA POR USAR BERMUDA E SE ‘VINGA’ DE JEITO INUSITADO

Em altas temperaturas sabemos o quanto é difícil ter que ir ao trabalho todo arrumado e ter que enfrentar o calor no transporte público.

E este jovem britânico estava sofrendo incrivelmente, sob o clima tórrido da Europa.

Ele decidiu então, ir trabalhar de bermuda.

 

FUNCIONÁRIO É BARRADO NA PORTA DA EMPRESA POR USAR BERMUDA E SE VINGA DE JEITO INUSITADO

“Se mulheres podem usar saias e vestidos para o trabalho, eu posso usar shorts também? A resposta é: não. Eu acabei de ser mandado de volta para casa”.

Ele foi barrado na porta da empresa pelo RH e mandado retornar para sua casa. Esta atitude por parte da empresa lhe deu uma ideia de como contornar o problema. Ele foi de vestido.

FUNCIONÁRIO É BARRADO NA PORTA DA EMPRESA POR USAR BERMUDA E SE VINGA DE JEITO INUSITADO

FUNCIONÁRIO É BARRADO NA PORTA DA EMPRESA POR USAR BERMUDA E SE VINGA DE JEITO INUSITADO

FUNCIONÁRIO É BARRADO NA PORTA DA EMPRESA POR USAR BERMUDA E SE VINGA DE JEITO INUSITADO

Ao chegar no trabalho com um vestido curto, a empresa foi obrigada a ceder o uso das bermudas pelos homens.

O RH declarou “Em virtude das temperaturas extremamente quentes, foi combinado que os cavalheiros do escritório poderão usar bermudas de comprimento 3/4. Elas devem ser cores sutis: preto, azul-marinho ou bege, apenas”.

FUNCIONÁRIO É BARRADO NA PORTA DA EMPRESA POR USAR BERMUDA E SE VINGA DE JEITO INUSITADO

No Twitter, os internautas aplaudiram o jovem e compartilharam as suas experiências. E principalmente, o parabenizaram por ter conseguido uma pequena mudança no seu ambiente de trabalho.

 

16/07/2017

Fonte: http://metropolitanafm.com.br

Se você chegou até aqui é porque você gostou do que leu, não é? Então curta e compartilhe o Acidez Mental no Facebook com seus amigos e familiares. É só clicar nos botões abaixo.

Comentários