COMO MELHORAR O COMPORTAMENTO DE SUA MULHER UTILIZANDO TÉCNICAS DE ADESTRAMENTO CANINO

COMO MELHORAR O COMPORTAMENTO DE SUA MULHER UTILIZANDO TÉCNICAS DE ADESTRAMENTO CANINO

Estudos antropológicos recentes dão conta que existem fortes laços ancestrais que aproximam a espécie humana dos caninos.

Esta proximidade levou pesquisadores da UNAM (Universidade Nacional Autônoma do México) a desenvolverem eficientes técnicas de condicionamento do comportamento humano baseado nos treinamentos realizados com cães.

Uma vertente importante destes estudos é conhecida como “Adestramento Afetivo das Fêmeas da Espécie Humana”.

O Prof. Dr. Cesar Millan afirma que a atividade física colabora para o equilíbrio físico e mental dos adestrandos. Segundo Millan, “nossos laços ancestrais com os caninos nos remetem ao lobo selvagem, o cão que vivera em liberdade e tinha um “trabalho” a cumprir, que o ocupava durante boa parte do dia”. Sua mulher também precisa de trabalhos que ocupem a mente e os braços. Por esta razão a faxina é essencial para a rotina de uma mulher equilibrada.

O estudo apontou que o uso de castigos físicos no adestramento das mulheres não é recomendável, pois para algumas delas a violência física pode ser entendida como uma recompensa. E recompensas não podem ser banalizadas. A obediência deve ser conquistada por meio de demonstrações de domínio de território. Neste quesito um mártir do adestramento feminino é Eike Batista que em 1998 obrigou Luma de Oliveira a desfilar com uma coleira com seu nome estampado.

Lembre-se que uma mulher adestrada é uma mulher realizada. Em breve publicaremos mais algumas dicas de adestramento eficientes que eliminarão problemas cotidianos como TPM, ciúme e obesidade pós-matrimônio.

02/01/2018

GANHE DINHEIRO RESPONDENDO PESQUISAS NA INTERNET

Se você chegou até aqui é porque você gostou, né? Então curta e compartilhe o Acidez Mental no Facebook com seus amigos! Seu clique é MUITO importante!

CLICA AQUI VAI

Comentários