CAMGIRLS RESPONDEM: O QUE DIZER NA HORA ‘H’?

CAMGIRLS RESPONDEM: O QUE DIZER NA HORA 'H'?
Falar durante o sexo pode ser desestimulante para algumas pessoas, porém, é uma prática bastante excitante quando as palavras certas são pronunciadas. O estímulo das palavras é tão importante quanto o toque. O sexo verbal, ou famoso Dirty Talk, além de aumentar a autoestima, é uma prática que demonstra a intimidade conquistada ao longo do tempo.
SEXO SEM COMPROMISSO
Porém, algumas frases ditas no momento a dois são sinônimo de tabu para algumas pessoas. Existe aquele preconceito de que muita desinibição na hora H indica bastante experiência, o que nem sempre é visto com bons olhos pelos parceiros. Por isso, saber o que e quando falar é uma arte que vai sendo refinada aos poucos. Não adianta proferir frases maliciosas antes mesmo de a ação começar. O ato deve fluir naturalmente.
Para ajudar você a fazer bonito com o “vocabulário” entre quatro paredes, pedimos o conselho de algumas camgirls (garotas que fazem sexo ao vivo) do site CameraHot. Elas contaram para nós um pouco de sua experiência e o que elas mais gostam de ouvir dos marmanjos do outro lado do computador. Confira as dicas e “aprenda” com elas:
“Eu adoro quando o clima muda de uma conversa comum para um papo picante. Ser chamada de deliciosa, safada, goxxxtosa e coisa do tipo me faz sentir mais desejo e tesão. Uma sacanagem dita na hora certa consegue mudar completamente um cenário de sedução para um de intenso desejo”, afirma Layla Nagata.
Layla ainda diz que a sacanagem tem que ser dita de forma espontânea, sempre seguindo a regra de no primeiro encontro dizer algo mais leve, e nos próximos ir falando de acordo com a afinidade e o clima que ambos criaram. “Nada melhor do que conhecer o seu parceiro ou parceira conversando. Quando falamos algum tipo de sacanagem conseguimos entender se a pessoa que está do outro lado se sentiu excitada. Temos poucos sentidos para aguçar sendo camgirls, então temos que aproveitar os recursos que temos e mandar a ver no dirty talk”.
Na dúvida, Layla diz para nunca dizer algo ofensivo que faça a garota se sentir coagida. “Mesmo sendo virtual aqui tentamos sempre criar o melhor clima e atender como melhor humor. Falar algum insulto pode acabar com o dia de qualquer pessoa. Seja empático!”, recomenda.
SEXO SEM COMPROMISSO
De acordo com essa camgirl experiente, observar as reações da mulher, se ela é mais romântica ou se é mais selvagem, é TUDO. “Apimentar o momento, mostrar desejo e deixar as coisas mais intensas ajudam a mulher a ficar mais relaxa. Por isso é muito importante apostar no Dirty Talk. Afinal, quando fica total silêncio parece algo morno, algo mais ou menos. Quando se mostrar o tesão, até palavrões podem levar a parceira ao delírio”.
Comparações com ex-namoradas, ou qualquer outra mulher é deselegante. Por isso é bom tomar cuidado. “Entre todas as coisas que não se deve dizer, essa com toda certeza está no topo da lista. Mais um exemplo que não pega nada bem e, com certeza, faria você perder a gata”, afirma.
Para a camgirl Chantel, o vocabulário depende muito do tipo de mulher e em qual “estado” ela está. “Para as românticas sacanagens leves, envolvidas de carinho, já para as ousadas, basta se deixar envolver pelo clima e falar o mais picante que vier a mente”, recomenda.
Ela ainda diz que é bom perguntar para a mulher se ela gosta desse tipo de coisa, e que o melhor momento para isso não é na hora H. “Esse tipo de pergunta deve ser feita em um momento que o assunto for sexo, mas não no momento do ato em si. Mulheres são muito imaginativas, por isso deve ser algo natural”, diz Chantel.
SEXO SEM COMPROMISSO
Por fim, na dúvida, o ideal é ter bom senso, isto é, observar e sentir a intensidade do momento. “As palavras devem surgir com naturalidade, sem que possa se tornar desagradável, ou até mesmo quebrar o clima. Não precisa começar com tudo. Vá aos poucos descobrindo o que cada momento sugere”, afirma a camgirl.
Emma SW é camgirl há alguns dias, mas é bem experiente quando o assunto é Dirty Talk. “A maioria das mulheres gosta de elogios e de saber o quanto ele [o homem] está com tesão. É preciso, então, estar atento às reações dela, pois cada mulher é diferente, e acredito que tenha mais a ver com a forma com que se diz do que com as palavras em si”, diz a camgirl.
Ela ainda lembra que muitos homens ficam focados apenas no próprio prazer e não percebem o quanto algumas palavras podem fazer diferença para a mulher. “E não só palavras, mas gemidos, aquela respiração acelerada, tudo isso nos excita mais do que eles imaginam”. Fica a dica rapazes!
“Cada mulher gosta de um tipo de “diálogo”. Na hora H, penso que a melhor forma de acertar no seu é conversando sobre as preferências da pessoa em questão”, aconselha Amandinha_Sexy. “Eu aprendi que amo ser chamada de safada e putinha, mas levou tempo. Quando a mulher se sente tranquila com um parceiro até esse tipo de descoberta se torna excitante”. Uma boa pedida, ainda segundo a camgirl, é perguntar se a garota curte esse tipo de coisa quando estiverem falando sobre sexo, mas nunca na hora H.
SEXO SEM COMPROMISSO
Por fim, ela aconselha: “Mesmo que você tenha fantasias loucas, guarde para um segundo encontro. Em vez de mandar um xingamento logo na primeira, você pode chamar ela de gostosa ou algo do tipo. E quanto mais a garota se mostrar satisfeita, tente ir abusando com suavidade”, aconselha.

10/01/2018

GANHE DINHEIRO RESPONDENDO PESQUISAS NA INTERNET


Se você chegou até aqui é porque você gostou, né? Então curta e compartilhe o Acidez Mental no Facebook com seus amigos! Seu clique é MUITO importante!

CLICA AQUI VAI

Comentários