AS MELHORES POSIÇÕES PARA ATINGIR O ORGASMO

AS MELHORES POSIÇÕES PARA ATINGIR O ORGASMO

Você sabia que o modo como o sexo é feito faz toda a diferença na hora de alcançar um orgasmo? A posição ideal excita o clitóris e o ponto G, de forma a garantir o êxtase.

“Para chegar lá, as mulheres precisam de estímulos especificamente nesses lugares, mas eles podem acabar sendo deixados de lado na transa”, explica a sexóloga americana Carol Queen.

A mulher possui três áreas que proporcionam muito prazer: o clitóris, ponto G e o Ponto A.F.E.. O primeiro possui mais de 6 mil terminações nervosas. Quando é devidamente friccionado, garante um orgasmo, o ponto G é uma área esponjosa que fica dentro da vagina, numa profundidade de 3 centímetros, já o A.F.E. situa-se no final da vagina, numa região conhecida como curva uterina, numa área enrugada. Para garantir o estímulo das duas últimas regiões, é necessário fazer a penetração no ângulo certo.

Então, varie as posições e transforme essa missão (quase) impossível em uma brincadeira gostosa e divertida.

 


POSIÇÃO 1: COLE NO SEU PARCEIRO


Essa é uma variação do papai-e-mamãe. Fique com as pernas esticadas e afastadas apenas o suficiente para permitir a penetração. Então, faça seu parceiro erguer o corpo, até os quadris dele ficarem alinhados aos seus. Em vez de movimentos de entra-e-sai, vocês devem se mover juntos para frente e para trás, mantendo sempre o clitóris em contato com a base do pênis. Desse modo, o pênis pressiona o clitóris o tempo todo.

 


POSIÇÃO 2: FIQUE POR CIMA


Deite-se por cima do seu parceiro. Depois da penetração, ele deve juntar as pernas ao máximo, e você precisa apoiar-se nele. A idéia é ele ficar lá dentro, apertadinho. Com o corpo colado ao do parceiro e sustentando o peso nas mãos, faça movimentos para cima e para baixo. A vantagem de ficar por cima é ter o controle total da pressão e da freqüência dos estímulos.


POSIÇÃO 3: SENTE NA CADEIRA


Sente-se no colo do seu parceiro, um de frente para o outro. O principal é que você possa apoiar os pés no chão, já que vai comandar a brincadeira. Experimente movimentos de sobe-e-desce, vaivém, ângulos diferentes, balanço, rotação, fazer o “8” com os quadris. Idéias não vão faltar. E, para que a penetração seja bem profunda, seu homem deve segurá-la pelo bumbum e puxá-la contra o corpo, como se nunca mais fossem desgrudar um do outro.

 



POSIÇÃO 4: EXPERIMENTE A COLHER


Deitados de lado e abraçadinhos, puxe a perna de cima dele para entre as suas e, depois da penetração, pressione o seu bumbum contra o seu parceiro. Depois, guie as mãos do seu parceiro até o clitóris e mostre como ele deve tocá-la e excitá-la. As mãos dele podem explorar seu corpo todo. E você vai ajudá-lo a encontrar o caminho para os pontos que lhe dão mais prazer. Essa também é uma posição confortável, ideal para uma longa sessão de sexo.


POSIÇÃO 5: TENTE UM CACHORRINHO DIFERENTE


De bruços, ele fica ajoelhado entre suas pernas para penetrá-la. Mas depois que ele estiver lá dentro, deslize o corpo até se deitar. Apóie-se nos braços para receber o peso dele e junte as pernas, prendendo o pênis. Fiquem bem colados para o máximo de contato e façam juntos movimentos para frente e para trás – de preferência, bem devagar. Essa variação do cachorrinho garante contato direto com o ponto G.

 



POSIÇÃO 6: CAVALGUE AO CONTRÁRIO


Seu parceiro deve ficar deitado de costas, com as pernas dobradas e afastadas. Você vai se acomodar sobre o pênis, com muito jeitinho, com as costas viradas para ele (como mostra a ilustração). Depois, é só aproveitar e não esquecer que as mãos dele estão completamente livres para acariciar seu corpo e proporcionar aquela dose extra de prazer. O ângulo de entrada do pênis nessa posição é perfeito para alcançar o ponto G e garantir a um orgasmo daqueles. Além disso, a penetração por trás sempre dá uma sensação de que a gente está fazendo uma coisa proibida.


POSIÇÃO 7: APOSTE NO SOBE-E-DESCE DO ELEVADOR


Coloque um travesseiro embaixo dos quadris, erga as pernas, separadas, e peça para ele se ajoelhar entre elas e penetrá-la. Apóie os calcanhares nos ombros do parceiro. Nessa posição é você quem tem mais mobilidade. Então, cabe também a você ajustar a posição até sentir que está sendo estimulada como deseja. As pernas elevadas fazem o sangue fluir para o quadril, o que intensifica as sensações na região. Além disso, nessa posição o pênis aponta diretamente para o ponto G.

 

27/02/2016

GANHE DINHEIRO RESPONDENDO PESQUISAS NA INTERNET

Se você chegou até aqui é porque você gostou, né? Então curta e compartilhe o Acidez Mental no Facebook com seus amigos! Seu clique é MUITO importante!

CLICA AQUI VAI

Comentários